quinta-feira, 24 de abril de 2008

Diet ou Light? A dúvida persiste.

Hoje, existem inúmeras opções de produtos diet e light no mercado. Mas qual dos dois é o mais indicado para quem deseja perder (ou mesmo manter) peso, para os diabéticos e para os hipertensos?

Os alimentos diet são indicados para diabéticos e hipertensos e se caracterizam pela eliminação de algum tipo de nutriente contido no alimento original, como por exemplo, carboidrato, açúcar, proteína, sódio ou gordura.

Já os light são caracterizados por uma diminuição das calorias. Prova disso é que para um produto ser considerado light, ele deve apresentar uma diminuição de, no mínimo, 25% do total de calorias da versão normal.
A confusão mais comum é comer um alimento diet pensando que ele contenha menos calorias e não irá provocar ganho de peso. Porém, a eliminação de um ou mais nutrientes que caracteriza o produto diet não significa, necessariamente, diminuição de calorias.
Exemplo notório é o chocolate diet, que apesar não de não conter açúcar, apresenta uma quantidade maior de gordura, igualando as calorias com as do produto normal.

Outro erro fácil de ser cometido é abusar dos alimentos light por se tratarem de produtos pouco calóricos. É difícil encontrar algum que apresente uma diminuição de 50% nas calorias.

Ou seja, ser light não significa que se pode comer o dobro da versão convencional sem correr o risco de engordar.

Portanto, fique atento ao seu objetivo na hora de escolher alimentos diet e light.