terça-feira, 28 de abril de 2009

Respostas a blogueiros

Gostaria de saber sua opinião sobre exercícios durante o período de amamentação, especialmente aqueles que aceleram a queima de gorduras. O que é seguro praticar, uma vez que o corpo já é submetido a uma rotina diária de três em três horas de consumo de energia?

Não encontrei estudos que apontem sobre os efeitos de exercícios físicos durante a amamentação. De fato, como é um período em que a mulher consome muita energia, o melhor seria evitar exercícios mais intensos. Caminhadas curtas e exercícios posturais são uma boa opção nessa fase. Estes últimos ajudam a compensar os desvios da coluna ocasionados pela gestação e pelo aumento do peso das mamas.

Tenho 48 anos, pratico musculação três vezes por semana e corrida quatro vezes por semana. Normalmente faço treinos de corrida mais intensos duas vezes por semana (um intervalado de 8km e uma corrida de 10km). Gostaria de saber qual o melhor alimento para ser consumido logo depois de uma corrida forte, e até quanto tempo depois da corrida este alimento deve ser ingerido.
Os nutricionistas destacam que devemos ingerir alimentos que contenham 75% carboidratos e 25% proteínas até 30 minutos após exercícios intensos. Mas a quantidade e o tipo de alimento de cada pessoa devem ser  preferencialmente prescritos por nutricionistas, pois há diversas variáveis envolvidas neste cálculo. Procure um profissional da área, você vai se beneficiar com os resultados.

Preciso perder alguns quilos, cinco mais ou menos, sendo assim, gostaria de saber quantos dias na semana preciso correr, quanto tempo, etc..
Em primeiro lugar é preciso avaliar melhor se você precisa eliminar gordura e não somente peso. Sugiro que, antes de traçar objetivos, você faça uma avaliação física para verificar seu porcentual de gordura e massa muscular. É fundamental também calcular sua ingestão calórica para que se possa efetivamente determinar a quantidade e frequência semanal de atividade física e a alimentação correta e na quantidade certa para que você consiga emagrecer.

Gostaria de saber se eu consigo emagrecer, andando de bicicleta todos os dias. São 8km por dia. É que vou para o trabalho de bicicleta.
Praticar atividade física é um hábito saudável, mas emagrecer envolve também o hábito alimentar. É preciso calcular a quantidade de calorias gastas e a quantidade de calorias ingeridas. Somente assim é possível determinar a quantidade diária de exercícios para que consiga emagrecer.

Tenho 34 anos,74kg, 1.74m e IMC 23. Pratico musculação três ou quatro vezes por semana e corrida de rua três vezes por semana (cerca de 22 km por semana). Corro provas de 10 km em cerca de 48 minutos, e tenho planos de correr uma maratona no ano que vem, mas todos os nutricionistas e nutrólogos com quem conversei foram categóricos em afirmar que preciso, além de uma planilha de alimentação, de acrescentar suplementos alimentares em meu dia-a-dia. Não gostaria de usá-los, mas quero ter um bom treinamento para a maratona. O que você acha? Os suplementos são realmente imprescindíveis para um corredor de rua amador que deseja completar uma maratona?
Os suplementos podem ajudar, mas não substituem uma alimentação saudável e balanceada. Com a vida atribulada que vivemos, fica mais difícil seguir a cartilha nutricional. Em casos de carência de algum nutriente, a importância de suplementos específicos cresce.
 

Pratico natação três vezes por semana, mas quero ganhar massa muscular nas pernas (coxas) e glúteos. Também quero definir o abdômen, pois tenho muita gordura localizada nesta região. Gostaria de saber qual é a melhor opção para eu chegar a estes objetivos: o Pilates ou a musculação? Ou existe outra opção melhor que estas duas?
A musculação oferece maior possibilidade de ganhos estéticos, pois permite dosar de forma bem controlada o nível de estímulo de força para os músculos. Todavia, para reduzir a porcentagem de gordura corporal é necessário ter uma alimentação rigorosa (preferencialmente acompanhada por um nutricionista), além de uma quantidade de exercícios físicos diários.

extraídas do blog chegada de Renato Dutra.