sábado, 16 de maio de 2009

Os Princípios de Treinamento Weider - Parte 4


Além da classificação, pelos níveis de experiência, iniciante, intermediário e avançado, os princípios Weider também podem ser classificados pelas suas finalidade. Um classificação deste tipo foi feita pelo Dr. Frederick C. Hatfield, o Dr. Squat, famoso powerlifter, escritor e que por anos foi colaborador da revista M&F.

 

O Dr. Squat classifica os princípios Weider em três categorias:

  • Princípios para auxiliar no planejamento da periodização (ciclo) do treinamento
  • Princípios para auxiliar a melhor organizar os exercícios na rotina
  • Princípios para auxiliar na execução dos exercícios

 

Os princípios para auxiliar no planejamento da periodização do treinamento são:

  • Cycle Training Principle
  • Split System Training Principle
  • Double or Triple Split Training Principle
  • Muscle Confusion Principle
  • Progressive Overload Principle
  • Holistic Training Principle
  • Eclectic Training Principle
  • Instinctive Training Principle

 

Os princípios para auxiliar a melhor organizar os exercícios na rotina são:

  • Set System Training
  • Superset Training Principle
  • Compound Sets Training Principle
  • Tri-Sets Training Principle
  • Giant Sets Training Principle
  • Staggered Sets Principle
  • Rest-Pause Principle
  • Muscle Priority Principle
  • Pre-Exhaustion Principle
  • Pyramiding Training Principle
  • Descending Sets Principle
  • Staggered Sets Training Principle
  • Instinctive Training Principle

 

Os princípios para auxiliar na execução dos exercícios

  • Isolation Principle
  • Quality Training Principle
  • Cheating Training Principle
  • Continuous Tension Principle
  • Forced Reps Training Principle
  • Flushing Training Principle
  • Burns Training Principle
  • Partial Reps Training Principle
  • Retro-Gravity Principle
  • Peak Contraction Principle
  • Superspeed Principle
  • Iso-Tension Principle
  • Instinctive Training Principle

 

Agora você já conhece os princípios Weider e já pode começar a aplicar alguns deles, porém fique atento para usá-los de acordo com o seu nível de experiência. Não tente usar muitos deles em uma mesma rotina, pois você corre o risco de entrar em overtraining e parar de progredir. Tenha bom senso e procure usá-los na dose adequada e nos momentos apropriados. E quando você se tornar um campeão e for entrevistado por uma revista internacional sobre treinamento e o interlecutor mencionar algum destes princípios Weider, você não mais passará pela situação constrangedora de não saber do que estão falando. Afinal, um método que já perdura há 50 anos merece ser conhecido por todo fisiculturista.

 
por Spartacus Eduardo Bottaro Marques