quinta-feira, 18 de junho de 2009

Combinar alimentos multiplica seus benefícios

Um é bom, dois é melhor!

Por: Elizabeth Drake 

Aquilo que surgiu numa conversa banal em uma festinha acabou virando uma revelação - e não foi nada relativo a quem está transando com quem. Tudo começou há seis anos, quando Allan Conney e George C. Wagner, cientistas da Universidade Rutgers (EUA), batiam papo descompromissadamente. Ambos pesquisavam os benefícios da cafeína para a saúde, mas sob diferentes ângulos. "Eu investigava seus efeitos no mal de Parkinson", diz Wagner. "Já Conney estava interessado na possível proteção Dessa conversa, os dois decidiram unir seus conhecimentos. Resultado: a surpreendente descoberta de que a combinação de cafeína e exercícios pode proteger você do câncer de pele. Essa é uma das cinco duplas dinâmicas que você verá a seguir. Cada uma delas - fruto da simples soma de seus nutrientes - pode multiplicar os benefícios para a saúde.

Peixe + brócolis
>> O Benefício:com essa mistura, você pode dar um soco duplo no câncer.
>> A Ciência:truta e atum contêm selênio, mineral que aumenta os níveis de tioredoxina redutase (TR-1), uma enzima que tem forte atuação contra o câncer. Brócolis, por sua vez, são ricos em sulforafane, composto fitoquímico que potencializa a ação da TR-1. Quando pesquisadores britânicos combinaram esses dois nutrientes, eles notaram que essa parceria foi 13 vezes mais efetiva na desaceleração do crescimento das células cancerosas do que cada um deles individualmente. Os cientistas acreditam que, como a concentração de selênio aumenta nas células, a capacidade do sulforafane de elevar a TR-1 também aumenta.
>> Conselho de amigo:coma carne com vegetais regularmente. Não só peixe como carne vermelha, peito de peru, castanha-dopará e cogumelos são excelentes fontes de selênio. E vegetais como brócolis, couve-flor, couve-de-bruxelas e repolho estão carregados de sulforafane.


Consumidos juntos, certos alimentos ficam mais saudáveis.
Um potencializa o efeito do outro


Molho de tomate + Abacate
>> O Benefício:sua idéia de comida saudável está prestes a ficar mais saborosa.

>> A Ciência:vegetais brilhantes e de colorido vivo - como os usados nas saladas, no vinagrete e nos molhos de tomate - são ricos em carotenóides, pigmentos vegetais que reduzem o risco de câncer, doenças cardíacas e catarata. Mas agora um quase segredo: para obter o benefício completo desses combatentes de doenças, você precisa ingeri-los com gordura. De fato, pesquisadores da Universidade do Estado de Ohio (EUA) descobriram que pessoas que comem salada coberta com meio abacate absorvem de cinco a dez vezes mais betacaroteno e luteína - carotenóides encontrados na cenoura e no espinafre respectivamente - do que aquelas que consomem a salada sem a gordura da fruta. Da mesma forma, comer abacate com molho de tomate ou vinagrete potencializa em até cinco vezes a absorção de licopeno, carotenóide do tomate que protege a próstata. "Ácidos graxos são necessários para ajudar os carotenóides a se dissolver no intestino", diz o coordenador do estudo, Steve Schwartz. "Esses lipídios são também essenciais na formação de lipoproteínas, que transportam os carotenóides para a corrente sanguínea."
>> Conselho de amigo:a qualquer hora que saborear um pratão de vegetais coloridos, sejam crus ou cozidos, acrescente um pouco de gordura. Mas não precisa ser só a do abacate. Cerca de 50 gramas de queijo, um pouquinho de manteiga ou um fio de azeite de oliva têm o mesmo efeito, segundo Schwartz.


Amendoim + Cerveja
>> O Benefício:essa dupla que você saboreia em qualquer boteco pode diminuir o risco de um ataque cardíaco.
>> A Ciência:vários estudos têm mostrado que as sementes oleaginosas (como amendoim, nozes e castanha de caju) aumentam o nível de HDL, o bom colesterol, enquanto reduzem o "vilão" LDL. Já o álcool age como excelente "limpador" do sangue, prevenindo a formação de placas que podem bloquear seu : uxo para o coração. Mas pesquisadores suecos descobriram que a gordura e as fibras das nozes diminuem a absorção do álcool pela corrente sangüínea. Isso pode amenizar os efeitos do consumo de bebidas alcoólicas. Para obter melhores resultados, experimente comer oleaginosas cerca de 15 minutos antes do primeiro copo.
>> Conselho de amigo:moderação. Até 75 gramas de castanhas (cheias de calorias) e um ou dois copos de cerveja ou vinho por dia são suficientes para reduzir seu risco de doença cardíaca sem pesar na balança.


Alho + Erva-doce
>> O Benefício:esses alimentos combatem doenças, mas em combinação dispensam a bala de hortelã após a refeição.

>> A Ciência:tanto o alho quanto a erva-doce contêm compostos ativos que ajudam a prevenir o câncer, segundo pesquisadores da Universidade do Texas (EUA). De fato, como atacam o câncer de formas diferentes, se complementam. O componente ativo na ervadoce, o anetol, tem ainda outro benefício: ajuda a neutralizar o bafo de alho. Estudiosos japoneses descobriram que essa substância estimula a produção de saliva. Ela também inibe o crescimento de micróbios e elimina compostos liberados pelo alho que provocam o mau hálito.
>> Conselho de amigo:para tornar qualquer prato mais saudável, experimente misturar alho e sementes de erva-doce, que contêm mais etanol do que as folhas. Veja como dar um tempero aos bifes, frango ou carne de porco:

1 colher (sopa) de sementes de erva-doce
2 dentes de alho bem picados
2 colheres (chá) de sal
2 colheres (chá) de pimenta-do-reino

Coloque as sementes numa superfície lisa e use o fundo de um pote para amassá-las. Misture as sementes esmagadas com o restante dos ingredientes e salpique sobre a carne antes de grelhá-la ou assá-la.


Cafeína + Exercícios
>> O Benefício:uma corrida diária até a padaria para um café pode salvar sua pele.
>> A Ciência:pesquisadores da Universidade Rutgers descobriram que, quando ratos queimados de sol bebem muita água cafeinada e sobem para correr na roda giratória, o risco de desenvolverem câncer de pele despenca. Tanto a cafeína como o estímulo cardíaco levam as células danificadas da pele a se autodestruir antes de se tornarem cancerosas. E, quando os dois estão associados, esse efeito não é apenas cumulativo, é exponencial. O ponto em questão: os roedores que beberam e correram tiveram um terço de células danificadas em relação àqueles que só correram ou só beberam.
>> Conselho de amigo:para sentir os mesmos efeitos em você, procure beber uma ou duas xícaras de café após a sessão de exercícios, recomendam os cientistas.


LIGAÇÕES PERIGOSAS
POR OUTRO LADO, ALGUNS NUTRIENTES PERDEM A FORÇA QUANDO ASSOCIADOS
Alguns casais não deveriam . car juntos, pois acabam se anulando, como o cálcio (importante para a resistência de ossos e dentes) e o ferro (fundamental para formar os glóbulos vermelhos do sangue e transportar oxigênio a todas as células do corpo). Cynthia Antonaccio, nutricionista da consultoria Equilibrium, recomenda o divórcio de: 


Café com leite
A dupla mais popular do café-da-manhã acaba sendo bem fraquinha. A cafeína prejudica a absorção do cálcio presente no leite. Da mesma forma, o aproveitamento da caseína, uma proteína do leite, também . ca comprometido pela presença dos taninos do café.

Leite e carne vermelha
A religião judaica condena essa combinação. E esse preceito religioso tem sua razão científica na hora em que os dois alimentos chegam até o trato digestivo. O cálcio do leite prejudica a absorção do ferro da carne, e vice-versa. 


Espinafre e carne vermelha
Nas folhas escuras, que são ricas em ferro, esse mineral apresenta uma variação (Fe2) de baixa absorção pelo organismo. No caso do espinafre, seu ácido oxálico chega a inibir a absorção do ferro (Fe3) da carne vermelha, de melhor aproveitamento pelo corpo.