segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

Cuidados para praticar esporte sob o sol


GettyCom a chegada do verão, os praticantes de exercícios devem tomar alguns cuidados. O exercício causa calor e faz a temperatura corporal elevar-se. Em repouso, o corpo apresenta uma temperatura entre 36 e 37 graus Celsius, enquanto numa corrida de trinta minutos a temperatura corporal interna geralmente atinge entre 39 e 40 graus Celsius.

É muito mais difícil dissipar o calor gerado pela atividade física com temperatura ambiente mais elevada (acima de 25 graus). É por isso que transpiramos mais nestas condições. Se a umidade relativa do ar estiver elevada, o stress térmico aumenta ainda mais. Isso porque o corpo só é resfriado quando o suor consegue evaporar-se da pele. Em ambientes úmidos e quentes, a evaporação do suor é prejudicada, o que dificulta ainda mais a dissipação do calor. É por isso que suamos muito mais durante uma corrida em Manaus, Rio de Janeiro e outras cidades com clima quente e úmido. Primeiro cuidado a ser tomado nestas condições: nada de enxugar o suor, pois dessa forma o corpo não se resfria.

Em atividades de longa duração, mais de uma hora, o stress térmico debilita o sistema imunológico. Para praticar exercícios com segurança o ideal é começar logo pela manhã, quanto mais cedo melhor. Essa foi a conclusão de pesquisadores do Reino Unido em estudo com ciclistas que pedalaram em dois períodos, no início da manhã e no final da tarde, em dias alternados. Em média, os ciclistas conseguiram pedalar 40 minutos no final do dia, enquanto pela manhã suportaram 45 minutos. (Hobson, R.M; Clapp, E. L.; Watson, P.; Maughan, R. J. Exercise Capacity in the Heat is Greater in the Morning than in the Evening in Man. Med. Sci. Sports Exerc., vol.41, no 1, p.174-180, 2009)

Hidratação - Outro cuidado a ser tomado: o praticante deve beber um copo de 200 ml de água a cada 20 minutos de atividade. Se a duração da sessão for ultrapassar uma hora, recomenda-se bebidas isotônicas para repor a perda de água e os sais minerais. Não espere sentir sede para hidratar-se. Quando sentimos sede, o corpo está desidratado em pelo menos 1% do peso corporal.

Por Renato Dutra